Alimentação e Crenças Populares – Matéria Publicada no Caderno Viver com Saúde do Jornal NH – Segunda 13.04.2020

No contexto atual nos encontramos em ritmo menos acelerado, então, essa pode ser uma boa oportunidade para desmistificar algumas crenças populares sobre alimentação.

-Ovo Aumenta o Colesterol: envolvido principalmente na produção de hormônios, 70% dele é produzido pelo organismo e somente 30% é proveniente de fontes externas (carnes, ovos, leite). O ovo, além de colesterol, oferece nutrientes que fazem dele um alimento muito saudável principalmente quando preparado com pouca gordura.

-Proteínas de Origem Animal são Indispensáveis: têm todos os aminoácidos que formam uma proteína completa, enquanto que as de origem vegetal são incompletas, necessitando de alimentos combinados para fornecê-las. Um cardápio rico em cereais integrais (arroz, quinoa), leguminosas (feijão, lentilha), frutas (abacate), hortaliças (espinafre, couve), no entanto, pode oferecer quantidades ótimas de proteínas de excelente valor nutricional.

-Arroz com Feijão Engorda: ingeridos juntos e na proporção ideal (2 porções de arroz para 1 de feijão), oferece uma proteína completa. Portanto a presença deles num planejamento alimentar equilibrado é fundamental.

-Alimentos Naturais são Caros: de fato eles sofrem variações de preço já que estão condicionadas à mudanças climáticas, mas seu teor nutricional é indiscutivelmente superior aos processados, portanto, opte por eles e o ganho será sempre garantido.

-Alimentos Zero e Light podem ser Consumidas à Vontade: calorias a mais pode não ser o maior problema pois algumas substâncias utilizadas para compensar a falta do açúcar ou gordura causam maior impacto ao metabolismo. Então, administre as porções e aproveite o potencial natural dos alimentos.

-Leite é Fonte Primordial de Cálcio: seu processo de absorção promove retirada significativa de cálcio do interior de células do tecido ósseo. O consumo de outras fontes de cálcio como os legumes (brócolis, repolho), vegetais verdes escuros (couve, agrião), leguminosas (feijão, lentilha), embora ofereçam menores quantidades de cálcio, são ricos em nutrientes que promovem sua absorção mais eficiente. Portanto, esse é mais um motivo para você ingerir vegetais diariamente.

Crenças alimentares tiveram sua razão de ser por algum tempo, mas a ciência tem colaborado para que nossa alimentação atinja um de seus principais objetivos que é nos nutrir com eficiência. Aproveite, então, o atual momento para melhorar seus hábitos alimentares e sua saúde.